Paróquia Santa Rita de Cássia

Imagem Notícia

 

No último domingo, 22 de outubro, a Igreja celebrou o Dia Mundial das Missões. Buscando viver a unidade, alguns dos grupos de jovens da paróquia Santa Rita de Cássia, em Viçosa, Região Pastoral Mariana Leste, dedicaram-se a também abraçar essa causa e sair em missão. O destino escolhido foi a comunidade São Paulo Apóstolo, composta pelos bairros União e São Sebastião.

A missão se iniciou às 7h com a missa de envio presidida pelo cônego José Geraldo Vidigal de Carvalho e com a participação do diácono Lucas Germano de Azevedo no Santuário Santa Rita de Cássia. Após a celebração, os missionários se dirigiram à comunidade, onde foram calorosamente recepcionados.

As atividades se iniciaram com uma breve oração e um delicioso café da manhã. Logo após, os jovens foram divididos em grupos para iniciarem as visitas às casas e conhecerem melhor a realidade daqueles irmãos, adentrando em muitos lares e conhecendo muitas pessoas que, por vezes, necessitavam apenas de um sorriso sincero, um olhar devagar e uma palavra de conforto e esperança.

Ao longo das visitas o corpo ia se cansando, mas a alma se revigorando e se enchendo de gratidão a Deus por Sua infinita bondade. A cada história contada e a cada passo dado, ia-se descobrindo Deus escondido naqueles lares, muitas vezes abatidos pela doença ou pela tristeza, porém, à medida que eram visitados, seu valor era recordado e se confirmava através de sorrisos e abraços que diziam: “Muito obrigado! ”.

Na parte da tarde, houve um momento destinado às crianças e aos jovens, onde a alegria de ser de Deus e todo seu amor foram transmitidos, seja através de partilhas, animações ou de simples brincadeiras que buscavam como as visitas, recordar às pessoas o quão amadas elas são por um Deus que é sempre Bom e Fiel.

Ao fim do dia, encerram-se as atividades e os jovens missionários dirigiram-se novamente à Matriz para, da forma que iniciaram a missão, com a celebração da Santa Missa, selarem tudo o que foi vivido e agradecerem a Deus pelas graças derramadas e sementes plantadas em cada coração. Fazer parte dessa Igreja em saída que tanto pede o Santo Padre, o Papa Francisco, é afirmar com a vida como disse São Paulo: “Assim, já não sou eu quem vive, mas Cristo vive em mim. A vida que agora vivo no corpo, vivo-a pela fé no filho de Deus, que me amou e se entregou por mim” (Gl 2, 20b)



Fotos da Missão: Via Site do JSC, Clique Aqui